Esterilizando potes de vidro para reutilizar na cozinha

Esterilizando potes de vidro para reutilizar na cozinha

Saber como esterilizar o vidro das embalagens do mercado corretamente garante a durabilidade e segurança para qualquer alimento ou ingrediente estocado no novo pote.

Mais do que econômico, reutilizar recipientes de produtos é uma alternativa ecologicamente sustentável e muito prática. A maioria dos vidros utilizados em embalagens é totalmente reciclado e possui ótima resistência.

Além das tradicionais conservas de legumes, mel, geleia e doces, outras modalidades têm se tornado muito populares, como os bolos de pote e o uso de potes como marmitas de vidro, especialmente para trazer separada a salada, que também pode ser conservada na geladeira com uma boa vedação, além de grãos e soluções em pó, que podem durar por muito tempo, ocupando espaço reduzido dentro das prateleiras e fáceis de se organizar.

Por que esterilizar seus potes de vidro

Não há neurose alguma em se pensar na necessidade de esterilizar todos seus recipientes. A verdade é que qualquer alimento que passe por um processo industrial, seja ele qual for, recebe algum tipo de esterilização, seja via secagem ou pasteurização. 

E quando falamos da estocagem ou produção de conservas, essa importância é redobrada, pois o propósito da conserva é justamente prolongar o tempo de vida útil de seu alimento o mantendo num ambiente livre de oxigênio e da ação de microorganismos que podem acelerar a deterioração ou até contaminar o alimento.

A produção de conservas caseiras é ótima e muito saudável. Pela esterilização ocorrer no recipiente e não necessariamente no alimento, não há perda considerável de nutrientes, além disso, a conserva permite técnicas criativas para a mistura e flavorização dos alimentos!

Como esterilizar vidro de maneira correta

A forma mais prática de esterilização de vidro certamente é através do calor, pois maioria dos químicos, especialmente aqueles que temos em casa, sem incidência do calor servem apenas como de desinfetantes – o que também é fundamental.

Ao terminar de usar sua embalagem de vidro, é recomendável remover todos os rótulos. Caso esteja tendo dificuldade nessa parte, uma solução de água quente, vinagre e detergente certamente ajudará a amolecer a cola do papel.

Os meios de como se esterilizar o potes de vidro podem variar entre as técnicas:

Como esterilizar vidro direto com água quente

Encha uma panela com água, grande o suficiente para submergir completamente a embalagem. No fogo alto, deixe o pote fervendo por em média 15 minutos. Caso vá reutilizar a tampa também, coloque-a nos 7 minutos finais da fervura apenas, sem encaixar no bocal.

Caso sinta que o vidro do pote não é muito resistente e poderá rachar em contato direto com o fundo da panela, você pode fazer um pequeno forro com algodão ou mesmo usando um pano de cozinha, apenas para evitar o contato direto.

Como esterilizar pote de vidro no forno

Desinfete bem o pote de vidro lavando-o com detergente, enxágue e leve ao forno por 15 minutos no fogo mais baixo, dentro de uma assadeira. A distância média entre o queimador e a altura do pote dificilmente irá causar algum dano ao vidro, então não se preocupe em ter de forrar a base.

Como esterilizar vidro no microondas

Na potência máxima, complete ¼ do pote com água e aqueça por 2 minutos.

ATENÇÃO: Evite qualquer tipo de peça metálica. Nunca leve a tampa ao microondas, especialmente se tiver algo metálico embutido.

Cuidados  após a esterilização do vidro

Para apanhar seu pote de conserva após a esterilização, use sempre um utensílio metálico, tanta para evitar qualquer queimadura na pele quanto para evitar qualquer contaminação imediata.

É importante lembrar que o vidro aquecido fica bastante suscetível a choques térmicos, então espere antes de introduzir alimentos gelados, colocar sob a água da torneira ou até pôr sobre alguma superfície gelada, como mármores.

Muitas tampas que acompanham originalmente a embalagem acabam perdendo a vedação ou, após muito tempo de uso, acabam acumulando sujeiras incrustadas. Se este for o caso, é interessante optar por uma tampa nova.

Se preferir, você pode dar uma lavada extra no pote após a esterilização e antes de adicionar qualquer alimento.

Dicas extras de como customizar seu pote de vidro

Você pode dar uma identidade nova para seu pote de conserva e customizá-lo do seu jeito. Desde uma nova embalagem adesiva à um biscuit; você pode organizar seus temperos, grãos e soluções em pó todas em diferentes potes de vidro, a verticalidade deles ajuda a poupar espaço e sua transparência, a ver os níveis de cada condimento.

Mudando a tampa de seu pote, você pode transformá-lo completamente! Adicionando um bico na tampa, você tem um frasco prático de molho ou azeite; cobrindo a tampa de um frasco menor de furos, um saleiro.

Outra tendência atual é a confecção de potes-jarro: adicionando um canudo mais espesso na furação da tampa, você tem uma garrafinha muito prática, e que é capaz de conservar o calor de bebidas quentes por muito mais tempo que um copo ou garrafa plástica, além de, com o canudo ficar muito mais prático para se beber enquanto trabalha. (Leia também: Sucos funcionais: receitas fáceis)

Falando em trabalho: um problema comum de quem ama salada em sua marmita é na hora de esquentar o almoço e ser obrigada a comer legumes murchos, ninguém merece, não é? Com um frasco de vidro você pode, além de conservar sua salada em uma temperatura agradável, fora da geladeira e livre da oxidação, marinar levemente o alimento ou inventar outras misturas flavorizantes.

Quem diria que uma embalagem poderia render tantas utilidades no seu dia a dia, não é? A ChicCharm é apaixonada por tudo o que criativo, estiloso e inovador, tanto que prepara e atualiza sempre um catálogo repleto de itens para seu dia a dia!

E se você quer ainda mais dicas como essa, é só assinar nossa newsletter para receber conteúdo novo sempre em seu navegador!

Leave a Reply